26 de set de 2011

Mais um...


Por favor, me traz mais um copo d'água, eu sei que já é o quinto, mas eu preciso tomar pra descer essas palavras não ditas, encurraladas.
Eu não quero falar, pretendo esconder até onde eu puder, porque se eu disser eu vou me arrepender, eu sei, eu já ví essa cena antes, é o mesmo trailer.
Odeio essa minha mania de achar que estou no caminho certo, e sempre caio, no mesmo labirinto, aquele que já estive outras vezes, vezes que demorei pra sair, preciso achar o caminho de volta, aqui não é o meu lugar.
Palavras ditas pela metade com sentido de inteiras me confundem e me enganam, procuro por palavras inteiras, aquelas as quais eu quero que a água faça descer.

Ela há de descer.